Menu
Your Cart

DIREITO MATERIAL E PROCESSUAL DO TRABALHO NA PERSPECTIVA DA REFORMA TRABALHISTA

DIREITO MATERIAL E PROCESSUAL DO TRABALHO NA PERSPECTIVA DA REFORMA TRABALHISTA
DIREITO MATERIAL E PROCESSUAL DO TRABALHO NA PERSPECTIVA DA REFORMA TRABALHISTA
R$85,00
  • Estoque: Em estoque
  • Modelo: 143
  • Peso: 200.00g
  • Dimensões: 21.00cm x 15.00cm x 15.00cm


Cleber Lúcio de Almeida
Wânia Guimarães Rabêllo de Almeida

Cleber Lúcio de Almeida

Wânia Guimarães Rabêllo de Almeida

ISBN: 978-85-9471-075-8

Páginas:213

1 Edição-2018


A reforma trabalhista realizou significativas alterações no Direito do Trabalho e no Direito Processual do Trabalho. 

O presente livro analisa algumas destas alterações, visando contribuir para a solução das questões que elas suscitam.

As alterações legislativas colocadas em destaque pelos autores são analisadas levando em conta os seus aspectos normativos, assim como o seu significado humano, social e político, na perspectiva de que o trabalho, os direitos inerentes ao trabalho e o Direito do Trabalho possuem dimensão econômica, humana, social e política.


SUMÁRIO

 

CAPÍTULO 1 - POR UM DIREITO DO TRABALHO DE

SEGUNDA GERAÇÃO: TRABALHADOR INTEGRAL E

DIREITO DO TRABALHO INTEGRAL

Introdução

1. Direito do Trabalho e crises econômicas

2. Expansionismo e reducionismo do Direito do Trabalho

2.1 Conceito, finalidade e função fundamentais do Direito do Trabalho

2.2 Fontes do Direito do Trabalho

2.3 Dimensões do ser humano que trabalha a serem consideradas no contexto da relação entre capital e trabalho e da relação de emprego

3. O Direito do Trabalho e as crises. Reducionismo das respostas: maximalismo trabalhista, abolicionismo trabalhista e minimalismo trabalhista

4. A possibilidade de um novo Direito do Trabalho: Direito do Trabalho

de segunda geração

5. Efetividade do Direito do Trabalho: dimensão humana, social e política

6. Conclusões

7. Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 2 - APLICAÇÃO DA LEI NO TEMPO: alcance temporal da Lei n. 13.467/17

1. Aplicação das normas processuais no tempo

2. Aplicação das normas materiais no tempo

3. Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 3 - A REGRA DA PREVALÊNCIA DO NEGOCIADO SOBRE O LEGISLADO: RUMO À MUTAÇÃO GENÉTICA DO DIREITO DO TRABALHO NO BRASIL

Introdução

1. O significado e a inconstitucionalidade da regra da prevalência do negociado sobre o legislado

2. A regra da prevalência do negociado sobre o legislado e os limites da negociação coletiva

3. Conclusão

4. Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 4 - ACESSO À JUSTIÇA

Introdução

1. Acesso à justiça e acesso aos direitos inerentes ao trabalho

2. Dimensão humana, social e política dos direitos inerentes ao trabalho e das restrições ao acesso do trabalhador à justiça

3. Conclusão

4. Referências bibliográficas

 

 

Capítulo 5 - ACESSO À JUSTIÇA E CONTROLE DE CONVENCIONALIDADE DA LEI N. 13.467/17

1. Introdução

 2. Direitos humanos. Direitos humanos processuais.

3. Direitos humanos processuais em espécie. O acesso à justiça como direito humano

4. Alcance do direito humano de acesso à justiça: o acesso à justiça como direito humano multidimensional

5. Conclusão

Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 6 - GRATUIDADE DA JUSTIÇA

1. Assistência judiciária e justiça gratuita.

2. Assistência judiciária no processo do trabalho

3. Justiça gratuita.

3.1. Alcance

3.2 Condições para o deferimento. Pessoa jurídica e sindicatos como beneficiários da justiça gratuita

3.3. Momento para apresentação do pedido. Impugnação do pedido. Inadmissibilidade de recurso imediato. Revogação do benefício

4. Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 7 - PETIÇÃO INICIAL.  INDICAÇÃO DO VALOR DOS PEDIDOS. CONCESSÃO DE PRAZO PARA EMENDA DA PETIÇÃO INICIAL VISANDO À INDICAÇÃO DO VALOR DOS PEDIDOS      

 

CAPÍTULO 8 ARQUIVAMENTO DO PROCESSO E CUSTAS PROCESSUAIS. PAGAMENTO DAS CUSTAS COMO CONDIÇÃO PARA O ACESSO À JUSTIÇA

1. Arquivamento do processo e custas processuais

2. Pagamento das custas processuais como condição para o acesso à justiça.

3. Referências bibliográficas

 

CAPÍTULO 9 - EXCEÇÃO DE INCOMPETÊNCIA

 

CAPÍTULO 10 - HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS DE SUCUMBÊNCIA E CONTRATUAIS  

1. Princípios da sucumbência e causalidade.

2. Honorários de sucumbência e contratuais.

3. Honorários de sucumbência no processo do trabalho: situação presente antes da entrada em vigor da Lei n. 13.467/17.

4. Honorários de sucumbência no processo do trabalho: situação após a entrada em vigor da Lei n. 13.467/17.

4.1 A condenação no pagamento de honorários advocatícios à luz do art. 791-A da CLT.

4.2 Honorários advocatícios nas ações contra a Fazenda Pública e em que a parte estiver assistida ou substituída pelo sindicato de sua categoria

4.3 Honorários advocatícios: critérios para o arbitramento

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
Ruim Bom
Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando neste site, você concorda com a nossa Política de Privacidade e com a utilização destas tecnologias.